Ruanda: Bruno Le Maire representa a França na comemoração do genocídio em Paris - JeuneAfrique.com

É finalmente Bruno Le Maire, o ministro da Economia e Finanças, que representará o executivo francês na cerimônia de recordação organizada em Paris pela associação de sobreviventes ruandeses Ibuka.

Em Kigali, o 7 de abril, O presidente francês Emmanuel Macron será representado por MP (LERM) Hervé Bervillemembro do grupo de amizade França-Ruanda-Burundi, durante a comemoração 25e do genocídio dos tutsis.

Em Paris, no mesmo dia, é Bruno Le Maire, seu ministro da Economia e Finanças, que irá, em nome do Chefe de Estado, à cerimônia organizada no Parc de Choisy, no 13º arrondissement. , pela organização dos sobreviventes Ibuka, na presença do embaixador de Ruanda na França, Jacques Kabale, e do prefeito de Paris, Anne Hidalgo. Informação confirmada para África jovem por uma fonte diplomática ruandesa e pelo Eliseu.

Nesta manhã, 5 abril, Emmanuel Macron recebeu uma delegação de Ibuka França liderada por seu presidente, o historiador Marcel Kabanda.

No final desta audiência, o Eliseu anunciou a composição de uma comissão de nove pesquisadores e historiadores responsável por investigar o papel da França em Ruanda entre a 1990 e a 1994. Eles devem poder acessar os diferentes arquivos do Estado francês, antes de relatar em dois anos.

Este artigo apareceu primeiro em JOVENS ÁFRICA